201903.26
0

MC&A assessorou financiamentos em Angola no valor de 2,5 mil milhões de dólares

A sociedade de advogados portuguesa MC&A, especializada na prestação de apoio jurídico a negócios internacionais, já assessorou operações de investimento em Angola no valor total de 2,5 mil milhões de dólares (2,21mil milhões de euros) desde a sua fundação em 2012. Só em 2018, o escritório liderado pelo advogado Vítor Marques da Cruz, assessorou juridicamente, em Angola, operações num valor correspondente a cerca de 635 milhões de dólares (560,71 milhões de euros), tendo somado ainda 12 novos clientes neste país.

Vítor Marques da Cruz, sócio fundador da MC&A, refere que «2,5 mil milhões de dólares correspondentes a operações assessoradas ao longo de sete anos de actividade em Angola é um valor considerável que nos deixa bastante orgulhosos, sobretudo porque o valor anual tem vindo a crescer, o que espelha a confiança que os nossos clientes têm no trabalho que desenvolvemos, ao colocarem à nossa responsabilidade a assessoria de financiamentos que envolvem montantes cada vez mais elevados».

O líder da sociedade de advogados destaca ainda que «os 635 milhões de dólares correspondentes a operações intermediadas pela MC&A em 2018, sobressaem face ao valor médio de 300 milhões de dólares anuais, ao longo destes sete anos de actividade e que comprovam o nosso know-how no mercado angolano, no âmbito da assessoria a negócios internacionais».

Entre as principais operações em que a MC&A esteve envolvida no mercado angolano, durante o ano 2018, destacam-se a operação de financiamento de cerca de 428 milhões de dólares, por parte do Standard Chartered Bank, para a construção de três hospitais em Angola; o financiamento em 100 milhões de dólares para o desenvolvimento da Central Hidroelétrica do Lauca; a assessoria a um banco Alemão na importação de capitais para Angola no valor de mais de 62 milhões de dólares para o financiamento de estradas na província do Kuando Kubango; e de mais de 42 milhões de dólares para estradas do Kuanza Sul; além da assessoria na aquisição de direitos de superfície para a Shoprite Imobiliária, no valor de 1,5 milhões de dólares.

A MC&A presta ainda assessoria jurídica em Moçambique, nas áreas da banca, tecnologia e do Oil & Gas, e na Guiné Bissau, no sector eléctrico.


26/03/2019, Advogar

Descarregar artigo em formato PDF